Grupo de amigos viaja 9 horas para experimentar a pizza do McDonald’s

pizza do McDonald's

McPizza realmente existe!

3 amigos canadenses dirigiram nove horas só para pôr as mãos na pizza do McDonald’s. Valeu a pena? Aparentemente sim. O Walter Moon, de Ontário, Canadá, viajou todo o caminho até Pomerory, em Ohio, EUA, para ter um almoço único. Eles claramente se divertiram.

Os rapazes postaram um vídeo no YouTube (Aviso: Alguma linguagem ofensiva no vídeo) da sua aventura de mais de 8 horas para Spencer.

O restaurante em Pomeroy fica ao longo da Main Street/Highway 833 na cidade e nunca parou de vendê-las.

Infelizmente para os fãs do McDonald’s, os portugueses terão  de enfrentar uma viagem muito mais longa do que a Walter e os seus amigos. Visto que só existem dois locais da cadeia de fast food que vendem estas pizzas e ambos estão nos EUA. O segundo é Spencer em West Virginia.

Nove horas depois…

A McPizza costumava ser uma característica regular do menu da empresa. Esta foi lançada na década de 1980, mas foi descontinuada no final dos anos 90.  A razão da sua exclusão deveu-se a que não se encaixava com lema de ‘fast food’ da marca, dado que o tempo de preparação era de 11 minutos.

“Hoje foi um bom dia, tive a pizza do McDonald’s pela primeira vez em quase 20 anos, o que também significa que eu sou muito velho …”, escreveu um fã.

Estas irão chegar aqui a Portugal? Altamente improvável. Teremos de viajar se quisermos experimentar uma… Ou pedir um Domino’s. Pelo menos você pode obter um Big Mac e batatas fritas.

Uma pessoa tem a caixa original…

Alguém criou saltos altos para bebés e há em padrão leopardo

saltos altos para bebés

Ao crescer, muitos de nós descobrimos o nosso amor pela moda graças aos acessórios das nossas mães ou das nossas irmãs mais velhas. O batom mal aplicado, braceletes empilhados até o cotovelo, mergulhadas em perfume e caminhando com sapatos enormes… Tudo isto fez parte integrante do divertido jogo de “vestir-se”.

Claramente, não é para todas as crianças! Mas muitas parecem ter tido um gosto especial em vestir os sapatos da mães. Por isso, uma empresa sediada na Pensilvânia encontrou uma boa solução e criou os saltos altos para bebés.

Porém, há uma enorme diferença entre o seu pequeno vestir um par dos seus sapatos e comprar um par para vestir regularmente. Assim sendo, fomos investigar e aqui está o que descobrimos.

Então, o que torna estes saltos altos para bebés numa boa ideia?

De acordo com a fundadora Michelle Holbrook, as Pee Wee Pumps foram feitas para bebés e com os seus pés em desenvolvimento em mente. Por isso, não se preocupe! O seu pacote de alegria não vai dar os primeiros passos num belo par de saltos.

Contudo, os seus desenhos são “flexíveis” e “suaves”. Assim como, o seu calcanhar é completamente dobrável. Deste modo, poderá ter a certeza que o pé do seu bebé não irá sofrer.

Pee Wee Pumps

Porém, parece que a ideia já existia antes de Pee Wee Pumps. A Michelle inspirou-se num par de sapatos de berço que viu antes de ficar grávida da sua filha.

No entanto, depois de ver os sapatos, Michelle descobriu que não serviriam à filha.  Por isso, ela começou a criar um design mais adequado para bebés.

Deveriam ser feitas declarações de moda com a idade?

Os “saltos altos para bebés” parecem ser um assunto com opinião dividida.

Por um lado, eles não fazem nenhum dano ao pé de uma criança na maneira que nossos saltos altos fazem aos nossos. Mas há um contra-argumento de que o próprio desenho é outro exemplo de crianças crescendo muito rápido.

O que você acha? Deixe o seu comentário em baixo.